Fechar cadastro
Banner

Saiba como foi a pregação do Padre Eduardo no 8º Encontro MEJ

“Vem Senhor Jesus, vem tocar em nós.”

Atualizada em 12/09/2021 às 11:51


Padre Eduardo_adobespark

Padre Eduardo no 8º Encontro MEJ | Fonte: Rede Século 21

“As pessoas do lugar o reconheceram e mandaram anunciar por todos os arredores. Apresentaram-lhe, então, todos os doentes, rogando-lhe que ao menos deixasse tocar na orla de sua veste. E, todos aqueles que nele tocaram, foram curados” (Mt14,36).

 

O Padre Eduardo Dougherty, SJ nos levou a meditar na manhã do 8º Encontro da Mãos Ensanguentadas de Jesus, que todos procuravam Cristo Jesus, pois Dele emanava uma força que curava a todos. Também nós, no dia de hoje podemos tocá-lo.

 

Jesus derramou seu Preciosíssimo Sangue por cada um de nós. Ele é o “Deus Conosco”, o mesmo que nós recebemos em comunhão e, por isso, nós O tocamos. Através da Novena das Mãos Ensanguentadas de Jesus muitas pessoas também foram tocadas e isso é testemunhado pelas pessoas que entram em contato com a Associação do Senhor Jesus.

 

Podemos imaginar que estamos entre as pessoas que tocavam em Jesus ou que apresentavam os enfermos a Ele. O Divino entra no humano e passamos a ser pessoas divinizadas. O Espírito Santo conhece a nossa situação e, se clamarmos com humildade, Jesus vem e impõe suas mãos em nós.

 

Jesus é onipresente, nos lembra o Padre Eduardo Dougherty. Ele é o Nosso Salvador, o Rei do Universo e sua presença amorosa alcança as nossas vidas e as nossas casas. Suas mãos suportaram a mais profunda dor e hoje elas podem nos reerguer.

 

O convite para nós hoje é, também, rezarmos juntos. Quando pedimos com humildade e com fé podemos ajudar outras pessoas com a nossa oração, clamando para que Jesus derrame apenas uma gotinha do seu Preciosíssimo Sangue sobre nós. E com a autoridade de Jesus e que Ele concedeu àqueles que creem é que nós devemos orar.

 

Continuando a sua meditação, neste dia, fomos convidados a lembrar que as mãos de Jesus eram mãos de carpinteiro, mãos fortes e que foram ungidas com o poder do Espírito Santo. Quando O recebemos em comunhão, Ele toca em nós. E como Templo de Deus, podemos levar essa presença de Jesus aos nossos familiares e a todos que precisam de oração, especialmente em suas vidas. Seremos, então, um canal pelo qual o poder de Jesus age quando impomos nossas mãos sobre os nossos irmãos e rezamos por eles.

 

Rezemos a Novena das Mãos Ensanguentadas de Jesus clamando: “Jesus, vem tocar em nós!”

 

Eduardo Fraguas, da Rede Século 21


Leia mais:

Voltar
Novena de Natal 2021
facebook twitter instagram youtube whatsapp
Linha Separação
Linha Separação